Opinião – Estou preocupado com FIFA 17 (BGS 2016)

Quem me conhece sabe que tenho um enorme coração de mãe quando o assunto é jogos. Acredito que jogos são obras de arte únicas e sem paralelos. Isso, inclusive, já foi motivo de discussões internas no site sobre se uma obra de arte, na minha concepção, deveria ser avaliada por uma nota ou não. Mas voltando ao FIFA 17, fiz essa pequena abertura para destacar que não torço por A ou B. Na verdade, adoro A e B. Assim como uma mãe que não distingue amor entre filhos, torço sempre para que os jogos sejam os melhores possíveis. E é por isso que eu venho através deste artigo demonstrar minha preocupação com FIFA 17.

Acabei de jogá-lo na BGS 2016. Óbvio que isso é uma primeira impressão. A demo do jogo chegará dia 13 para todas as plataformas e o jogo final apenas na última semana deste mês de setembro. Porém o sinal de alerta foi ligado. Quando jogamos uma versão quase beta de FIFA 17 na E3 a impressão não foi boa. O jogo está demasiadamente parecido com FIFA 16. Isso não seria problema se FIFA 16 fosse um grande jogo. O problema é justamente que FIFA 16 tem muitos problemas.

A primeira impressão após alguns dois tempos inteiros do jogo é que pouca coisa mudou. Graficamente está mais bonito, mas pouca coisa. Fisicamente é que a coisa aperta. FIFA 17 está lento. O tempo de resposta dos botões quebra o ritmo do jogo e, consequentemente, a diversão. Pelo menos os chutes (tão criticados por mim em FIFA 16) de fato melhoraram, agora a bola não sai mascada. Ela não tem aquele efeito de leveza que a fazia descair em chutes de longa distância. Está mais real. Entretanto, as melhorias param por aí.

A velocidade dos jogadores é ruim. Jogadores rápidos demoram para ganhar velocidade. Parece que não existe um atributo para aceleração no sistema do jogo. O atributo até aparece nas estatísticas dos jogadores, mas na prática seu efeito é pouco sentido. O passe também está estranho. Muito lento e curto, necessitanto demasiadamente do uso do R1/RB para passes que antes bastava uma pressionada maior no botão. A proteção de bola com o L2/LT não funciona de forma correta. Quando um marcador está perto sim, mas quando se está sozinho e busca virar em direção ao gol adversário o comando falha miseravelmente.

FIFA 17 me decepcionou bastante. É claro que ainda testarei a demo e, provavelmente, comprarei o jogo final. Mas a EA precisa abrir o olho, pois a concorrência vem fazendo um trabalho cada vez melhor ano a ano. Por ora a hegemonia está garantida devido ao abismo de vendas entre as duas franquias, mas a turma da Eletronic Arts que fique atenta com o gameplay do jogo, pois licenças e bons gráficos não garantirão a liderança para sempre.

13 thoughts on “Opinião – Estou preocupado com FIFA 17 (BGS 2016)

    1. Muito obrigado, Felipe. O que eu ouvi de críticas por justamente por apontar esses erros no jogo… Mas tenho a conciência tranquila. E até curto jogar, mas realmente eles precisam olhar melhor para a jogabilidade da franquia. Em todo o resto o jogo é nota 10.

  1. Comprei a versão final dia 04 de outubro, venho jogando até hoje dia 18-10 e digo, tudo falado nesse artigo é verdade, e olhe que quando o artigo foi escrito tratava-se apenas de um jogo teste, nem demo era, e pra complicar o meio campo, o jogo final não diferencia nada do teste nem demo e o pior horrível jogar online pois geralmente um dos times fica com jogadores invisíveis tendo que sair do jogo pois jogar é impossível, na minha opinião o Fifa melhor foi o 14, do 15 em diante já começou a cair , embora o 15 ainda dê pra jogar mas 0 16 e 17 são péssimos.

  2. Também não estou gostando nada…gosto muito de jogar online, mas está horrível, os jogadores parecem que estão pesando mais de 100kg. Lerdos, os comandos não respondem rapidamente…espero que saia uma atualização para melhorar isso…caso contrário, Adeus fifa. #chateado #fifa17decepciona

    1. Perfeito, Herbert. Os jogadores realmente parecem estar muito pesados. Como disse no texto, a aceleração demora demasiadamente e isso nivela os jogadores velozes meio que por baixo no quesito explosão. Já na velocidade final, aí sim, conseguimos ver uma diferença. Muito obrigado pelo comentário. Grande abraço.

      1. Isso mesmo. Valeu pelo artigo, cheguei a pensar que o problema era com o jogador que estava comandando o joystick na frente da tv, rs. Abraço Raphael.

  3. Fifa17 está ruim, PES também está ruim….acho que a evolução dos jogos não está ocorrendo com a mesma velocidade da tecnologia disponível. Antes o Fifa tinha macete nas jogadas, mas era mais realista e autêntico. Hoje é só macete e a máquina faz 90% do resto. Lamentável…

  4. Espero mesmo que o FIFA 17 tenha mudado em diversos aspectos, como modo carreira, distribuição de dinheiro entre os times, os movimentos surreais da CPU, principalmente no Ultimate Team, é lamentável que o nível dos jogos tenha caído tão bruscamente, acho que o último FIFA realmente bom foi o de 13, dizem que o PES 2017 também não está bom, acho que essas duas marcas precisam de concorrência urgente!

  5. O que é esse pênalti?
    O que é esse passe?
    Qual o botão que aperta pra correr?
    Eu cheguei a procurar formas de deixar o jogo mais dinâmico mas vi que era um problema que todos estavam passando.
    Antes eu tava preocupado com a velha favorecida que o jogo concede aleatoriamente, mas agora… PES é FIFA estão no mesmo nível! E, infelizmente, não é um elogio.
    Triste fim dos jogos de futebol!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *