O que PES e FIFA tem em comum? Mais análise e menos brigas

Matéria feita por nosso colaborador Yago Campos

Caros jogadores, como vocês vêem aí na Fanpage e no próprio site, eu sou um grande fã de esportes e principalmente o futebol. Afinal, qual é o brasileiro que não gosta de futebol? Não tem né!

Hoje em dia existe uma enorme discussão sobre qual game de futebol é melhor nesse estilo de jogo, brigam pelo nome do FIFA, produtora é a EA, e Pro Evolution Soccer, produtora é a Konami. Brigas como a maioria dos games, se não todos, tem. É uma discussão básica em que fãs de FIFA apontam qualidades do game e defeitos no PES, e fãs do PES defendem as qualidades que o game tem e apontam os defeitos no FIFA. Isso não é somente em jogos de futebol, é em qualquer jogo.

Porém, existe uma diferença em ser fã e ser gamer, o problema é: tem muito fã se dizendo gamer. Atualmente, ser um gamer se baseia em avaliar todas as qualidades e apontar todos os defeitos em qualquer tipo de jogo. Ser gamer é experimentar um jogo que você nunca viu ou que o público critica, e buscar ver pontos positivos naquela produção, afinal, não importa o resultado final de um game, se está ruim, foi na tentativa de ficar bom, até porque, um jogo NUNCA irá agradar à todos.

Então antes de criticarem, busquem avaliar o jogo por completo. Se você é um fã, tranquilo, defenda o seu jogo favorito mas SEM criticar os outros.

Indo ao assunto da matéria, a única semelhança entre FIFA e PES é que ambos são jogos do mesmo gênero.  Quanto ao resto, podemos sim dizer que em termos técnicos e físicos eles são bem diferente, pois se fosse para fazer algo igual, não precisaria de duas coisas iguais.

FIFA é um jogo muito divertido apesar de seus problemas com o modo Ultimate Team. É um game que te proporciona muitos momentos únicos e alegres, porém, para quem joga o Ultimate Team causa momentos de raiva, ( e eu entendo…). Para aqueles jogadores que gostam do famoso estilo “tiki-taka”, eu tenho a dizer que o FIFA não é o jogo adequado à isso. FIFA tem o estilo de jogo priorizado para o jogo rápido, lançamentos aéreos, passes longos e cruzamentos. O esquema de dribles é mais utilizado no FIFA, pois o jogo te possibilita à executar movimentos de drible com maior facilidade. Porém, os seus pontos fracos são os altos níveis de bugs que tem no game, o alto nível de handicap em partidas do Ultimate Team e o pior: a preferência que eles dão para pessoas que mais gastam com Fifa Coins para comprar pacotes raros de jogadores, ou seja, os que não gastam estão sempre tirando recompensas ruins. A lógica é a seguinte: eles dão preferências à quem gasta para motivar a pessoa à gastar mais ainda. Ou seja, você comprar 100 reais de fifa points e tirar um Cristiano Ronaldo Ov. 99 não é impossível como você comprar um pacote com os fifa coins que ganha no final da partida, gastar 7.500 FIFA Coins para ganhar um jogador Ouro normal, que raiva, não?!

PES é um outro jogo totalmente diferente, pois já é um jogo bem mais tático e objetivo do que o atual FIFA. PES exige do jogador que você troque passes no meio de campo para que consiga ir avançando gradativamente o seu meio de campo até chegar com a bola no ataque, o sistema clássico do “jeito barcelona de jogar” funciona mais no PES. Um outro fator muito positivo de Pro Evolution Soccer são as licenças em que o jogo tem prioridade, com a Taça Santander Libertadores, Champions League, Campeonato Brasileiro e diversos outros fatores como por exemplo os estádios como São Januário, estádio da equipe do Vasco da Gama, do Rio de Janeiro.

Não podemos esquecer de outro fato que até os jogadores de FIFA elogiam no PES: a narração! A narração atual de Pro Evolution Soccer 2018 é com Milton Leite e Mauro Beting, nas gerações passadas era Mauro Beting como comentarista e Silvio Luiz como narrador, aliás, um mito! “Pelo cheiro da mortadela, vai dar problema!”.

Porém, na minha opinião, o que não é de muito agrado em PES é o sistema de movimentação, eu acho que deveriam suavizar os jogadores em movimentos como a corrida na cobrança de penaltis e faltas, sinto uma pequena “dureza” nos movimentos, parece que o personagem está limitado à por exemplo abrir as pernas para correr em uma certa distância, porém, é uma opinião minha, como GAMER (pois jogo os dois, atualmente jogo mais PES).

Espero que tenham entendido as diferenças entre um Gamer e um Fã e que agora não saia falando mal de um jogo sem ao menos ter jogado, todos tem seus pontos fortes e fracos.

Aí vai a pergunta, “um cara que deu dicas e dicas de fifa, jogando PES?”, pois é. Eu estou jogando os dois jogos, mas venho dando preferência para o PES, pois o FIFA vem me desanimando com o Handicap, com a narração sem sentido e sem ânimo de Tiago Leifert, “ah, mas dá pra trocar “chorão””, sim, mas nós como um brasileiro, queremos jogar um campeonato brasileiro, apesar de JÁ NÃO TER em FIFA, com a narração em inglês? Claro que não né!

Publicado
Mestre supremo do Ultima Ficha, não manda nem em seus próprios posts. Embora digam que é geração PS2, é gamer desde o Atari e até hoje chora pedindo um Sonic clássico e decente. Descobriu em FF7 sua paixão por RPG que dura até hoje. Eventualmente é administrador e marketeiro quando o chefe puxa sua orelha com os prazos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *