E3 2018 Preview e Gameplay – Super Smash Bros Ultimate melhora a fórmula da versão de Wii U

Dentro da Nintendo nesta E3, seu maior destaque certamente ficou para o mais novo jogo da franquia Smash Bros. Eu tive a oportunidade de jogar cerca de 8 partidas de Super Smash Bros Ultimate enquanto estive na Nintendo, e posso afirmar que esse novo Smash está vindo com tudo e será um título obrigatório para os donos de um Nintendo Switch.

Os fãs da franquia se sentirão familiarizados rapidamente com Super Smash Bros Ultimate, pois o sistema de comando segue o mesmo de sempre. Enquanto dois botões irão fazer seu personagem pular, os outros dois irão comandar os ataques normais e os especiais. Para variá-los, será necessário posicionar o analógico de direção para uma posição diferente. Isso fará com que tenha golpes completamente diferentes. Além disso, será possível fazer a clássica defesa e agarrão com os os botões do shoulder (R e L).

Confiram aqui nosso preview de Pokemon Let’s Go

Como os comandos são idênticos, eu me voltei para perceber as diferenças dentro do gameplay. A primeira que percebi é que os cenários estão todos mais bonitos se comparado a versão de Wii U. Além disso, pude notar que o gameplay está mais gostoso, preciso e rápido. Eu tive a impressão que o controle dos personagens estava bem melhor. Ou seja, pontos positivos para o gameplay do jogo.

É difícil discorrer muito sobre o jogo, pois só pude lutar o clássico contra e também contra a CPU. Tudo me pareceu muito bom e bonito. Além disso, é muito legal ter a possibilidade de escolher todos os personagens da franquia, assim como os estágios e sua versão omega. Porém, mais uma coisa que pude notar é a quantidade de itens e novos itens que aparecem durante a luta. Mais uma vez eles farão toda a diferença ao longo dos embates onde será possível atacar seu adversário, paralisá-lo, recuperar vida e por ai vai (assim como jogar um milhão de Pokemon no meio da luta). E sim, dentre os itens temos o ativador do golpe supremo que aplica um golpe devastador em seus inimigos.

Por fim, eu tive a oportunidade de jogar com alguns personagens, dentre eles posso falar que o Pikachu continua tão bom como sempre, também utilizei o Link que teve sua bomba mudada para bomba com ativação, o que da uma nova perspectiva sobre a estratégia de quando usá-la, e também utilizei o novo personagem Ridley (que poderão ver no gameplay acima). Por mais que ele seja um personagem lento, ele é muito poderoso e seu golpe principal é um agarrão devastador que mandará o adversário pelos ares (tipo um Charizard das trevas). É importante dizer que a mecânica principal dos personagens foi mantida, mas alguns deles tiveram algumas pequenas modificações que irão alterar a estratégia durante a luta.

Mais uma vez a Nintendo acertou em um jogo da franquia Smash Bros e tenho certeza que Super Smash Bros Ultimate será um jogo muito bem falado quando for lançado em Dezembro. Não só isso, mas deveremos ver lutas épicas nos grandes campeonatos incluindo o EVO.

Publicado
Mestre supremo do Ultima Ficha, não manda nem em seus próprios posts. Embora digam que é geração PS2, é gamer desde o Atari e até hoje chora pedindo um Sonic clássico e decente. Descobriu em FF7 sua paixão por RPG que dura até hoje. Eventualmente é administrador e marketeiro quando o chefe puxa sua orelha com os prazos.