Autora lança livro sobre a história das mulheres na indústria de games

Recentemente postei sobre um livro essencial para entendermos a história dos games. Replay é um guia bem completo, mas claramente não pôde cobrir tudo o que existe na história. Para tapar o buraco deixado pela maioria das coberturas históricas sobre o tema, Meagan Marie (veterana da imprensa e de desenvolvimento de games) lançou no último dia 4 o livro ‘Women in Gaming: 100 Professionals of Play‘, Mulheres nos Games: 100 Profissionais da Jogatina em tradução livre.

A ocasião do lançamento foi uma grande noite na Crystal Dinamycs (desenvolvedora onde Marie trabalha) que contou com veteranas da indústria, da mídia, jogadoras profissionais, convidados e público. O livro ilustra, se baseando em diversas entrevistas, artigos e notícias, como as mulheres assumiram e continuarão assumir papeis importantes na indústria de jogos eletrônicos.

Para se ter uma ideia do evento, na primeira roda de discussão tivemos Carol Kantor, ex funcionária da Atari que criou a divisão de pesquisa em vídeo games; Evelyn Seto, pioneira no desenvolvimento de arte e branding da Atari; Brenda Laurel, fundadora e vice presidente de design na Purple Moon Games; e Jennel Jaquays, ex desenvolvedora na Coleco, id Software, Ensemble Studios, CCP e reconhecida autora e atris de D&D.

Women in Gaming: 100 Professionals of Play é o reconhecimento das conquistas femininas na indústria. O livro conta com histórias de executivas do setor, desenvolvedoras e jogadoras profissionais. Alguns casos contam como certas mulheres ajudaram no estabelecimento do setor, outras que foram pioneiras e ajudaram em saltos qualitativos na áreas, algumas que lutam e ajudam a diversificar este mercado e ainda fala sobre novos nomes que provavelmente terão papel significativo no futuro. O livro conta com muitas imagens e um acabamento de dar inveja.

Determinado momento da noite, Marie apontou para uma jovem na plateia e afirmou: “Eu escrevi esse livro para mulheres como você, para te inspirar e, não importa quem você seja, te motivar a entrar nessa indústria”.

Women in Gaming: 100 Professionals of Play está disponível em Inglês nas principais lojas americanas. Na Amazon você encontra a versão Kindle por U$ 9,99 e a física por U$ 16,50 + frete. Ainda não há previsão para uma tradução ao português.

Publicado
Ricardo Carvalho é escritor, político e filósofo de sofá, cineasta frustrado e ativista pela aceitação mundial de que videogame é arte. facebook.com/oficialricardoc, twitter.com/oficialricardoc, instagram.com/oficialricardoc

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *