Conhece Disc Room? A nova aposta frenética da Devolver

Eu não sei vocês, mas eu me empolgo demais com esse estilo de jogo!

Logo em uma semana a qual estou viciado em Nex Machina, a Devolver Digital anuncia uma nova parceria e com ela a publicação de Disc Room.

No jogo você deve passar por desafios de controle preciso e sagacidade enquanto vários discos se esforçam para te impedir de ter sucesso. Ao que parece, você irá conseguindo habilidades diferentes para te ajudar conforme vai progredindo.

Confira detalhes do jogo pela Devolver Digital:

“O ano é 2089, um disco gigante apareceu na órbita de Júpiter. Uma equipe de cientistas internacionais é formada em uma tentativa desesperada de entender os segredos misteriosos contidos nele.

Entre no traje espacial desproporcional de um cientista corajoso, mas relutante, e explore este amplo matadouro do espaço sideral. Tente descobrir o método por trás de seu caos, enquanto você é perseguido incansavelmente por lâminas de serra alienígenas em meio a um labirinto aparentemente interminável de câmaras da morte interconectadas. Mantenha-se afiado para navegar neste labirinto assassino, pois o massacre aparentemente simples se desenvolve em uma complexidade muito mais intrigante.

Mas, o que mata você apenas o torna mais forte.

Absorva habilidades extraordinárias dos próprios discos que o cortam em pedaços. Deslize, altere o tempo ou até mesmo se clone, enquanto se torna um com o disco. A punição persistente rapidamente se solidifica em habilidades de sobrevivência extremamente nítidas, à medida que nosso cientista abre caminho para o objetivo mais profundo e devastador do disco.

Em Disc Room, a única saída é através da morte.”

Disc Room é resultado da parceria entre a Devolver Digital e os desenvolvedores Terri Vellmann, Doseone, Kitty Calis e Jan Willem Nijman. Jogo ainda não tem plataformas claramente definidas e tem lançamento previsto ainda para 2020.

Bruno Degering

Gamer há tanto tempo que usa consoles como referência cronológica para lembranças de sua vida. Amante de Mega Man, Resident Evil e Warcraft. Se gaba por ter zerado Battletoads aos 9 anos mas abandonou Bloodborne com 26.
Botão Voltar ao topo
Fechar