Cobrimos o Safari Zone da Niantic em POA, vem ver!

Todo o fã de Pokémon Go sabe o quanto esse tipo de evento era aguardado aqui em terras Tupiniquins. Depois de Eventos em Chicago (EUA), Dortmund (Alemanha), Yokosuka (Japão), Tainan (Taiwan), ouvimos por ai lendas urbanas de que a Niantic estudava o Brasil. Lenda urbana ou não, fomos contemplados com o ultimo Safari Zone em Porto Alegre.

SOBRE O EVENTO:

O evento ocorreu as margens do Rio Guaíba, dividido em três pontos específicos: O Gasômetro, Anfiteatro Pôr-do-Sol e Parque Marinha do Brasil. A extensão total do trecho continha 5 km: 3.5 KM entre Gasômetro e o Anfiteatro, 1.5 KM seguindo para o Parque Marinha do Brasil.

O evento, trouxe para terras brasileiras um dos regionais, o Relicanth. O Pokemon de água/pedra é encontrado nas regiões de Fiji, Nova Zelândia, Vanuatu e Nova Caledônia. Os contemplados com o convite, poderiam encontrar Relicanth (em abundância) durante todo o trecho do rio Guaíba. Não somente isso, Unowns foram liberados no evento. As letras P-O-R-T-A-L-E-G (Porto Alegre) poderiam ser encontradas para captura. Fora esses “especiais”, os pokémon oficiais do evento foram Poochiena, Caterpie, Magnemite, Omanyte, Pikachu, Cubone e Psyduck, sendo o ultimo o shiny liberado em especial nesse evento.

Relicanth

Em relação a shiny, a rate da sorte é aumentada no evento, sendo uma ótima oportunidade para Shiny Hunters de plantão (eu mesmo consegui 12 sendo um deles o Sandshrew, pura tacada de sorte em quest completada durante o evento)

Shinies capturados

SOBRE A REALIZAÇÃO:

Batendo um papo com Nara, membro da comunidade de Pokemon Go de POA, explicou que a comunidade local começou a se organizar em eventos como em dias comunitários, para que os jogadores locais realizassem os eventos todos juntos, e não em diferentes localidades. Dessa forma, a comunidade criou material como vídeos e gravações via drone, para chamar a atenção da Niantic sobre o volume de jogadores. Isso casou com o fato da Niantic já estar conversando com a prefeitura de Porto Alegre, onde atingindo todos os pontos combinados, o evento veio a ser realizado

SOBRE A ORGANIZAÇÃO:

Para inicio do evento, era necessário girar um pokestop oficial, onde o app pediria para escanear um QR Code (cada entrada individual vinha com um código para ser escaneado). Esses pokestops eram encontrados em todos os 3 portões (Gasômetro, Anfiteatro e Parque Marinha). Cada convite vinha com um portão específico de entrada.

Portão A – Gasômetro
Portão B – Anfiteatro Pôr-do-Sol
Portão C – Parque Marinha do Brasil

Cada portão continha um food truck, membros do evento para ajuda, e uma barraca distribuindo copos de água durante todo o evento. Um parabéns inclusive a equipe, pois com o Sol incessante em POA, os jogadores se serviam a vontade de copos de água gelados podendo inclusive levar na mochila para beber durante o trecho, sem enfrentar fila alguma, só no pick & go!

Tendas de águas ao fundo ao fim do evento

A hora oficial do evento era de 10 hs da manhã até as 18 hs da tarde, sendo estendida em um dia ou outro para as 20 hs (fui contemplado no meu dia, no sábado inclusive).

YouTubers ligados a pokemon Go foram convidados para receberem fãs ao final do evento. Presenças confirmadas como PkmnMasterHolly (EUA), Swaggron333 (Chile), Keibron Gamer (Espanha), Direto da Cozinha, Mestre Pokémon Go, Bilie Channel, Fabão Gamer, TigerGames, AndysBr, Colares Games, ZumBel Games e Capitão Hunter puderam ser encontrados para autógrafos e fotos.

Um dos pontos mais bonitos, de forma solidária, o evento organizou um minuto de silencio por todas as vítimas de Brumadinho, e mobilizou pontos de coleta de doações para as vítimas em seus portões durante o evento, junto a prefeitura local.

CONCLUSÃO DE UM FÃ:

Se eu tivesse algo a criticar, sem sombra de dúvidas seria em relação ao quão em cima da data o evento foi anunciado. Com pouco tempo para se programar, ainda tivemos que aguardar o sorteio de quem ganharia o passe para um dos dias. Para jogadores de fora de Porto Alegre, inclusive de fora do Brasil, tentar programar uma viagem em menos de 20 dias é caro e complicado. Fora isso, a organização estava no ponto, o clima estava propício para jogar (fora o calor, quem não curte muito poderia se sentir desconfortável) e os pokémon e shinies estavam a todo o vapor. Era impossível você andar 100 metros sem ouvir alguém celebrando o encontro com um. Espero ansiosamente para o próximo, e que eu consiga ir e também ser contemplado.

Por hoje, aproveitem o último dia de raides de Groudon e Kyogre, e que Palkia seja bem vindo a partir das 19 horas!

Publicado
Internacionalista louco por Pokemon & RPG. Aquariano com orgulho. Ama um suspense/terror, e sente orgulho imenso em toda sua formação na academia Drag Race a distância.

2 thoughts on “Cobrimos o Safari Zone da Niantic em POA, vem ver!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *