[Análise] Placa de Vídeo XFX AMD Radeon R7 370 2GB

Recebemos aqui em nossa redação duas placas de vídeo, sendo ambas as primeiras a serem analisadas oficialmente pelo Última Ficha. Uma delas, a R7 370 que falaremos nesta análise, e outra RX 550, que você pode conferir clicando aqui.

Lançada em 2015 como placa de intermediária da Série R7 da AMD Radeon. Este modelo da XFX tem 995 MHz de clock, 2GB de memória GDDR5, 1024 Steam Processors e frequência de memória de 5600MHz.

Ajude o ÚltimaFicha de forma gratuita, clique aqui e inscreva-se no nosso canal do Youtube

Mas sabemos que os ficheiros do site querem mais informações úteis, menos sopa de letrinhas e números e mais simplicidade! Então vamos pular essa lenga lenga de características técnicas e vamos ao que interessa! Sabendo que é uma placa de entrada de 2015, será que ainda vale a pena? Será que ela vai tankar seus jogos competitivos em 1080p? Será que aguenta alguma coisa em 2K?

DESIGN

No design temos uma placa bem construída, mesmo sendo de entrada. Sendo um modelo compacto, ele acomoda dois fans, um heatsink de alumínio e carcaça toda em plástico. Não possui backplate e nem entrada de energia, se alimentando única e exclusivamente da própria entrada PCI Express. Ah, vale lembrar que a RX550 utiliza PCI Express x8 e não x16, mas isto não significa perda de desempenho.

SISTEMA UTILIZADO

Infelizmente, como estamos iniciando o processo de análise de hardware, não temos uma máquina dedicada para isso. Então, foi usada minha máquina pessoal para os testes. Mais detalhes sobre a configuração abaixo:

– Processador AMD Ryzen 2700 @cooler box, sem overclock
– Placa-mãe Asus B450 TUF PRO GAMING
– Kit de memórias HyperX 2x8GB 2400MHz, overclock para 2666MHz
– SSD M.2 SATA Crucial 500GB
– Fonte de energia Corsair CX500
– Gabinete Thermaltake Core P3

DESEMPENHO EM JOGOS

Testamos a placa em três jogos: Apex Legends e CS:GO na resolução 1920×1080 e PUBG em 2560×1440. Por algum motivo durante os testes o PUBG não permitiu o downgrade de resolução. Iremos trabalhar no futuro para trazer mais jogos e uma configuração parecida em todos os jogos! Pedimos desculpas, é nossa primeira análise de hardware!

DESEMPENHO EM  BENCHMARK SINTÉTICO

CONCLUSÃO

Uma análise mais fria é necessária, pois estamos falando de uma placa lançada em 2015. São 4 anos de lançamento, com novas séries e tecnologias sido lançadas desde então. Temos que nos referenciar por custo x benefício.

O preço dela nova, fazendo uma pesquisa na data de publicação desta análise, chega a aparecer acima dos 850 reais. Obviamente não vale o preço, mas parece que são estoques bem antigos que provavelmente nunca tiveram o preço ajustado pelo logista. Já no mercado de usados, usando como base de pesquisa OLX e MercadoLivre, da para encontrar modelos a partir de 350-400.

A placa consegue bom desempenho em jogos competitivos, alcançando os 60fps em resolução FullHD e com todas as opções gráficas, dependendo do jogo, no mínimo. Se você está com um orçamento curto para investir em uma placa de vídeo agora, procure por boas opções no mercado de usados, pois não achamos sensato comprar um modelo novo por quase 800 reais (incluindo custos de envio). Inclusive, a análise da placa RX 550, lançado junto com este, indica uma melhor opção. É possível encontrá-la a partir de 300 reais no mercado de usados, sendo uma placa mais recente e mais econômica (ela nem precisa de conector de energia, se alimenta direto da placa mãe).

Somando todos os fatores, nossa recomendação é com ressalvas, visto que é uma placa já datada, com preços altos quando nova e preços não tão atraentes quando usada frente a seu desempenho.

 

Mostrar mais

Pedro Nogueira

Formado em Administração e em GunZ: The Duel. Nogueira une estas duas formações para administrar de forma única suas skills em jogos de tiro, adquiridas em anos jogados fora jogando The Duel. Além da supremacia em jogos de tiro, Nogueira é fã de jogos com história bem trabalhada e tem no sangue as habilidades de Dominic Toretto para jogos de corrida.
Botão Voltar ao topo
Fechar