Análise: Astral Chain surpreende e muito

Platinum Games acertou mais uma vez e Astral Chain é fundamental para o Switch

Pessoalmente acho que não existe satisfação melhor do que entrar sem grandes expectativas em alguma coisa e ser completamente surpreendido. Ir comer aquela comida sem fome e se maravilhar com sua qualidade! Ir assistir aquele filme que não botava fé e sair com um sorriso no rosto e super empolgado. E claro, jogar aquele jogo que você não entende o barulho e assim que liga, fica completamente viciado.

E é assim que me senti jogando Astral Chain, mais novo exclusivo do Nintendo Switch. Tenho que confessar que estava com 0 hype para o jogo, mas após jogar 15 ou mais horas ele já é um dos melhores jogos de ação do ano e bate de frente com o gigante Devil May Cry 5.

Um futuro distópico e uma última chance

A história de Astral Chain se passa em uma Terra daqui a cerca de 50 anos onde a humanidade está a ponto de ser extinta por um fenômeno que abre portais pelo mundo e traz criaturas assassinas. Como a última barreira para salvar todos, existe a força especial NEURON que inventou os Legions. Esses Pokemon monstros são controlados pela sua corrente astral (e dai vem o nome do jogo) e irão te ajudar a destruir as terríveis Chimeras.

E é ai que começa sua história com um dos dois irmãos gêmeos. Ao escolhe-lo/la, você irá de mãos vazias enfrentar as chimeras em uma cena inicial cheia de ação, com moto em alta velocidade, muitos combos e até uma ponte caindo.

Vendo o valor dos irmãos eles são imediatamente recrutados pela Neuron e recebem de forma oficial seus Legion. Mas nem tudo são flores. Após a primeira missão com seu time, todos menos você perdem os Legions e caberá ao seu personagem ser o salvador da humanidade. E claro, ao longo do tempo você irá capturar os pokemon eles de volta com sua pokebola corrente astral.

O interessante da história e dos personagens é que nada fica claro e sempre existirá uma dúvida até o fim do jogo. Claro, sabemos que o mundo está passando por uma corrupção muito grande e que você é a única pessoa que pode enfrentar este problema. Mas será que todas as pessoas são de confiança? E os novos personagens que aparecem e trazem ainda mais dúvida?


Ajude o ÚltimaFicha de forma gratuita, clique aqui e inscreva-se no nosso canal do Youtube


Leve quanto tempo quiser em Astral Chain

Esta maravilha em forma de jogo feito pela Platinum Games tem seu gameplay divido em seções bem claras. ele inicia no prédio da Neuron onde pode trocar sua roupa, treinar, fazer upgrades e mais. Em seguida você vai para o lugar da sua missão e deverá resolver casos, roubos, ajudar as pessoas e mais. Por fim, você irá efetivamente proceder com sua missão e enfrentar o grande vilão.

O interessante daqui é a segunda parte, ajudar as pessoas. Antes de efetivamente ir para a missão você poderá perder pelo menos meia hora fazendo side quests, coletando itens, perdendo  ladrões, arrumando briga, resgatando gatos e cachorros e por ai vai. Não somente isso, mas diversas vezes você terá que bancar o detetive para juntar pistas sobre o que aconteceu e ai sim liberar a missão principal.

E não ache que é somente isso, é possível, também, participar de diversos mini games dos mais complexos e inusitados. O mais fácil seria o de jogar latas no lixo (sou um cidadão preocupado) e o mais difícil é de equilibrar caixas/sorvete com o giroscópio do controle.

De forma resumida, embora Astral Chain seja um jogo de ação, ele te da diversas possibilidades de fazer tarefas menores que irão estender a quantidade de horas jogadas nele. Elas irão variar entre “casos vermelhos” geralmente levando a uma luta ou “casos azuis” que são mais simplórios. Caso decida investir nessas missões secundárias, é possível aumentar o tempo de jogo em 5 ou mais horas. E seu maior incentivo será a possibilidade de ganhar mais dinheiro e experiência.

Visuais deslumbrantes e muita ação

Como mencionei acima, ao iniciar o jogo, já estava completamente vendido para ele, é simplesmente sublime. Com uma excelente direção de arte, esse é um dos jogos mais bonitos que já joguei no Switch chegando a rivalizar com os jogos feitos pela própria Nintendo.

Não somente o jogo é um deleite visual, mas ele está incrivelmente otimizado. Pense em um cenário com diversos monstros te atacando, com você revidando e muitas habilidades sendo liberadas. Em qualquer jogo de hoje em dia é comum vermos quedas de frames. Verdade seja dita, até no Zelda Breath of the Wild víamos quedas de frames. Porém, em Astral Chain, a Platinum games acertou em cheio em um jogo que apresenta ação extremamente fluida.

E algo que tenho que destacar é que ele não é somente legal por ser um jogo de ação que não tem queda de frames, mas os diversos desafios e cenas interruptas são incríveis. O jogo mescla uma ação linear com desafios de plataformas que a cada nova fase ficam mais complexas. Não somente isso, mas diversas vezes você irá se deparar com um chefão gigante que irá destruir tudo na sua frente e você deverá se esquivar de seus ataques e dos inimigos normais.

Bem, o jogo é repleto de ação da melhor qualidade!

Rica experiência de gameplay

Já falei que Astral Chain tem uma história legal, que ele é lindo e cheio de ação e que tem muito o que fazer no jogo, mas e o gameplay? Como é muita coisa que ele apresenta eu vou tentar sintetizar abaixo.

  • Legion eu escolho você – Brincadeiras a parte, o jogo possibilita que você escolha uma entre 5 feras para te auxiliar na pancadaria. Infelizmente não é possível capturar todos os monstros que irá encontrar, mas isso de certa forma é até bom. Cada um dos seus Legions terão seus próprios estilos como equilibrado, longa distância e focado em força. Além disso, cada Legion contará com sua própria árvore de habilidade tendo suas habilidades únicas.
  • Habilidades que param o tempo – Não é somente de ação contínua que vive o jogo. Cada Legion tem uma habilidade específica que será usada em diversos momentos ao longo das missões, porém, irá mudar o ritmo do jogo. Por exemplo, o primeiro Legion é o Sword. Sua habilidade é de “cortar conexões”. Diversas vezes você necessitará utilizar isso para avançar ou até derrotar um inimigo. Também tem o Legion Beast que se comporta como um cachorro. Ele pode achar itens e pessoas e escavar pontos específicos.

  • Movimentando seu Legion – Além de poder usar esses personagens e suas habilidades, também será possível movimentá-los como bem entender no cenário. Isso fará que consiga colocá-los em lugares que não alcançaria inicialmente e depois ser puxado para eles. Não somente isso, mas é possível trabalhar esta movimentação para “dar a volta” em um inimigo e deixá-lo preso para que possa atacar livremente. Ou então cada um ficar de um lado e utilizar sua corrente de estilingue. São muitas as opções.
  • Você também importa – Embora o peso do Legion seja gigante, saiba que quem controla ele é você! Portanto, muitas das possibilidades serão controladas por você além do fato de que é possível bater tanto com sua arma leve, pesada ou então sua arma de fogo. Adicionalmente, está presente o “desvio perfeito” que irá lerdar o tempo (algo que já vimos em Bayonetta).

Então não existem problemas em Astral Chain?

Não posso dizer que ele seja um jogo perfeito, mas passa extremamente perto da perfeição. Não existe nenhum tipo de problema grave no jogo, mas diversas vezes algumas coisas cansam ou incomodam.

Por exemplo, é muito legal ter as side quests – por mais simples que algumas sejam – mas elas cansam depois de um tempo. Outra anotação que posso fazer é com a câmera. No geral ela não incomoda, mas quando chega em uma beirada de certas fases, vira uma grande salada e acaba se irritando. Também tenho que falar de quando você se puxa, mas o jogo “te quebra”. Eu mencionei acima que é possível colocar seu Legion em um ponto e depois se puxar para ele. Diversos pontos dos mapas tem itens escondidos, porém, alguns estão mal feitos e é simplesmente infernal chegar neles.

E por fim, algo que legitimamente me incomodou (e ai ignorei ele) foram os puzzles com o Legion Beast (cachorro). Em alguns momentos você vai ter que utilizá-lo no plano astral e eles simplesmente cai das bordas. Perdi a conta de vezes que cai pelo comando não ser tão apurado.

Astral Chain pode ser comprado na Loja Nintendo BR clicando aqui.

Astral Chain é mais uma joia do Switch

Gráficos e Animações - 10
Ambientação e som - 9
História e dublagem - 9.5
Gameplay Frenético - 9.5
Replay - 9.5

9.5

compra mais que obrigatória

Se você está procurando um excelente jogo de ação para investir 15 ou mais horas de sua vida, Astral Chain é o jogo perfeito para isso. Chegando sem muito alarde, mas batendo de frente com jogos como Devil May Cry 5, ele é um insta buy para o Nintendo Switch. O jogo possui uma otimização perfeita sem queda de frames e entrega uma ação sublime junto com uma ambientação linda. Ele tem um gameplay rico e complexo e a adição dos Legion é muito interessante e só aumenta as possibilidades. Faltou muito pouco para Astral Chain ser perfeito e seus erros são detalhes pontuais ao longo de uma jornada incrível.

User Rating: Be the first one !

Leonardo Coimbra

Mestre supremo do Ultima Ficha, não manda nem em seus próprios posts. Embora digam que é geração PS2, é gamer desde o Atari e até hoje chora pedindo um Sonic clássico e decente. Descobriu em FF7 sua paixão por RPG que dura até hoje. Eventualmente é administrador e marketeiro quando o chefe puxa sua orelha com os prazos.
Botão Voltar ao topo
Fechar