Análise: Commandos 2 HD Remaster o retorno do clássico

Monte a sua estratégia e elimine os alemães nesse grande clássico

Nessa onda de lançamentos de grandes jogos Remasterizados chegou a vez do Commandos 2 HD Remaster, um jogo de estratégia em tempo real com foco na furtividade, onde você controla um grupo de soldados que devem atravessar as linhas inimigas no pico da Segunda Guerra Mundial.

Minha intenção é fazer um review que possa abranger tanto o antigo fã de Commandos como também aquele jogador que só ouviu falar do jogo e nunca teve a oportunidade de jogar, então não estranhe se em alguns momentos eu escrever com uma certa intimidade sobre o assunto e em determinado momento parecer como se fosse a minha primeira vez.

Avançando contra a Alemanha nazista (o jogo sofreu censura e teve de excluir os símbolos da suástica no jogo) até o Pacífico controlada pelos Japoneses, cada missão lhe traz objetivos diferentes onde você pode ter de assassinar determinado soldado inimigo, salvar um companheiro ou até mesmo capturar objetos importantes.

O jogo traz diversos personagens que podem ser controlados, cada um deles possui uma habilidade específica, e analisar o mapa e a posição dos seus inimigos, é essencial para o sucesso da missão sem nenhuma baixa. Com o passar do jogo aprendemos essas habilidades e conseguimos montar o verdadeiro quebra-cabeça que o jogo nos coloca. Entre os personagens destaco o famoso Boina Verde que é simplesmente a força bruta, onde consegue aniquilar os inimigos somente com uma faca sem a necessidade de amarra-los. Por outro lado temos nosso ladrão, astuto e muito rápido, mas que não tem a capacidade de amarrar os inimigos. Esses extremos é o que fazem do Comandos 2 HD Remaster um jogo no qual precisamos mesmo trabalhar em equipe.

Agora falemos dos nossos inimigos. Existe uma grande variedade deles, dentre eles inclusive tanques de guerra, onde a sua mente deverá de certa forma trabalhar para bolar uma forma de destruir essas grandes armas móveis que foram crucias durante a Segunda Guerra.

Por se tratar de um jogo de estratégia é fácil perceber que a maneira como irá se comportar para conquistar o seu objetivo com certeza vai variar de jogador para jogador. Você pode limpar totalmente o mapa, matando os inimigos um por um ou ir diretamente ao objetivo, se arriscando um pouco mais. Lembrando que no jogo você pode salvar no momento em que bem desejar, portanto use abuse desse recurso, mas cuidado para não salvar segundos antes de falhar uma missão – vai por mim: isso acontece!

Prepare-se para o desafio.

Podemos dizer que sim o Commandos 2 HD Remaster é um jogo difícil, mas não impossível. No começo o jogador irá ficar um pouco perdido, mas o jogo conta com dois tutoriais (que não são fáceis), mas te traz uma experiência muito boa.

Conforme evoluímos nos deparamos com grandes mapas, cheio de patrulhas e podemos utilizar dos cones de visão para observar como nos portar e como agir diante das dificuldades. Os cones são uma ferramenta que ajudam o jogador a se movimentar pelo mapa, que pode ser ativada pela tecla TAB. Quando acionada, e ao clicar em um inimigo, você consegue ver a visão dele em duas cores: uma verde mais clara onde o inimigo pode te enxergar tanto em pé como deitado, ou uma verde mais escura onde o inimigo só lhe enxerga em pé. Além de clicar no inimigo com o cone de visão, você também pode clicar em um determinado ponto do mapa e todos os inimigos que tiverem visão daquele ponto irão aparecer. Estou falando desse artifício pois ele é a chave do seu sucesso no jogo.

Contando o nossos dois tutoriais, temos mais de 20 missões entre as principais e algumas bônus podemos dizer que o Commandos II não é um jogo curto, cada desafio é único e pode demandar horas e horas para serem superados.

Podendo fazer somente os objetivos principais para concluir as fases e “rushar” o jogo, você também tem um caderno que lhe mostra as missões e entre elas você encontra missões secundárias que aumentam ainda mais o desafio, vai depender somente de você fazê-los ou não.

Já que estamos falando de gameplay, vamos para a mais preciosa dica: P-A-C-I-Ê-N-C-I-A. O jogo não se trata somente de marcar os personagens e sair correndo pelo mapa eliminando os nazistas, e sim de analisar. Grande parte das vezes você vai ficar olhando o mapa por alguns (muitos) minutos observando as rotas do seus inimigos antes de agir. Até que você consiga identificar isso com uma certa facilidade você precisará sim de um pouco de paciência.

O que dificulta um pouco e poderia ter sido mais bem trabalhado pela desenvolvedora é a câmera que faz um giro de 90º toda vez que é acionada, por ser dessa forma que ela funciona acaba que toda vez que você altera, você ganha visibilidade de certas coisas, mas perde de outras. Apesar de parecer óbvio,  como o movimento é muito brusco, nos falta um meio termo para visualizar o que realmente desejamos.

Leia mais

Gráficos

Fiquei extremamente surpreso com a evolução gráfica do game na versão Beta para a final, o jogo foi remodelado trazendo uma experiência muito boa para o que vimos na época em que foi lançado pela primeira vez. As texturas e os visuais ficaram bem bonitos e realmente precisavam melhorar para que acompanhasse a nossa tecnologia de hoje, porém ao meu ver ainda dava para melhorar, veja bem: não está ruim, está bom, mas poderia estar excelente.

O que poderia melhorar, mas não estraga a experiência

Além do que já falei sobre a câmera e dos gráficos, o jogo deixa a desejar na parte sonora, com uma música que por muitas vezes sobrepõe os barulhos dos tiros, que também não parecem muitos reais. Em algumas missões mesmo seguindo o que estava escrito na missão o jogo não marcou como se tivesse sido feito, me obrigando a movimentar os personagens até que a missão fosse concluída, como hoje em dia temos um acesso muito fácil ao feedback dos usuários bem como para o lançamento das atualizações acredito que em breve esses pequenos bugs desapareçam do jogo.

Ah!!! Não posso esquecer de mencionar o jogo não possui nossa língua nativa, apesar de oferecer uma gama grande de linguagens o nosso tão amado Português ficou de fora, um pecado sem perdão para um país que é um dos grandes consumidores de jogos dos tempos atuais.

Veredicto

O Commandos 2 HD Remaster é com certeza um jogo viciante para os amantes do gênero, mas eu aconselho também para que aqueles que gostam somente um pouco dos jogos de estrategia. A necessidade de analisar tudo antes de agir nos faz jogar por horas sem nos darmos conta de como traçaremos o caminho para a vitória e essa liberdade nos faz pensar como um verdadeiro estrategista, ou em alemão, “strategie”.

Não se esqueça que não é um jogo simples e no começo irá enfrentar uma certa dificuldade até pegar o jeito do jogo, porém vale a pena tentar aprimorar e acompanhar o desfecho dessa grande história.

Commandos 2 HD Remaster

Visual, ambientação e gráficos - 8
Jogabilidade - 7.5
Diversão - 8
Áudio e trilha-sonora - 6.5

7.5

Bom

O Commandos 2 HD Remaster é com certeza um jogo viciante para os amantes do gênero, mas eu aconselho também para que aqueles que gostam somente um pouco dos jogos de estrategia.

User Rating: Be the first one !

Felipe Cabral

Querendo ser o melhor em tudo não consigo ser bom em nada. Totalmente viciado em games desde a infância e fã de grandes títulos como Chrono Trigger, The Witcher 3 e Last of Us. Adora um desafio e sustenta com orgulho suas platinas em jogos como Bloodborne e Dark Souls.
Botão Voltar ao topo
Fechar