Análise: Logitech G432, o coringa versátil e simples

Headset Logitech G432 é competente ao que se propõe e muito versátil.

Sim Ficheiros, mais um produto Logitech foi sumonado em nossa redação. Depois de uma série de mouses o fone da vez é o Logitech G432, headset intermediário que possuí certificação DTS que promete entregar grande qualidade sonora custando não tão caro.

Em um mercado com preços base cada vez mais elevados, até por conta da pandemia do coronavírus, modelos que prometem entregar qualidade sonora excelente, com algumas perdas em relação aos modelos topo de linha, acabam sendo extremamente visados pelos jogadores em geral. As vezes alguns detalhes que existem nos modelos mais caros, são retirados, e fazem com que a marca tenha produtos mais competitivos. Será o caso do Logitech G432?

CONSTRUÇÃO, DESIGN E CONFORTO

O Logitech G432 é um fone com fio, super versátil e leve para todas as suas jogatinas. Por ser praticamente todo construído em plástico levinho, tirando a regulagem de tamanho que é em metal e as almofadas em couro artificial, o fone é extremamente leve se comparado com outros modelos, até mesmo modelos com sua totalidade feita em plástico.

O microfone, feito em plástico maleável, não é removível, mas pode ser movido para cima caso você não venha a usá-lo. Outra parte não removível é o fio, soldado na concha esquerda, sendo ele de combo de áudio (microfone + áudio). O fone ainda acompanha um DAC que converte o sinal analógico (P3) em digital (USB) e um divisor em ‘Y’ de P3 para 2 plugs P2 (áudio e microfone separados). O fato do fio ser preso a concha é um pouco frustrante, onde fones nesta faixa de preço já possuem cabo removível, o que ajuda e muito o usuário em caso de problema no fio.

A aparência do fone segue uma característica bem ímpar e tradicional da maioria dos headsets da Logitech. Praticamente em sua totalidade é em preto gosto, com o logo ‘G’ nas conchas em prateado brilhante. Além disso um contorno de preto ‘black piano’ também está presente nas conchas. Detalhes em azul são encontrados entre a concha e as almofadas e na parte interior das conchas, sendo bem típico da marca. Em ambos os lados temos ainda o ‘G432’ escrito discretamente. Um ponto ótimo é o tamanho das conchas, cabendo tranquilamente quase todas orelhas por completo, sem que a almofada amasse suas orelhas. Por serem de couro artificial, você pode esperar que as conchas esquentem suas orelhas durante longas jogatinas, não sendo ideal para longas sessões. Por ultimo, na mesma concha do fio e do microfone, encontra-se uma pequena engrenagem para ajustar o volume.

O fone é confortável e extremamente seguro. Ser extremamente seguro pode significar incômodo para alguns, pois ele faz uma certa pressão contra sua cabeça. Este é um estilo que eu gosto muito, pois fones que focam sua estabilidade no apoio superior não me agradam, prefiro fones que pressionem minha cabeça nas conchas, algo como o magnífico Logitech G Pro X. Ambas as conchas e o apoio superior são de couro artificial bem lisinho, mas por serem mais rígidos passam a sensação de serem mais recheados, não sendo fácil alcançar as partes duras dos apoios. Novamente, isso é gosto, pessoas podem preferir espumas mais fofinhas à rígidas.

MICROFONE

O microfone aparenta ser de entrada mas possuí surpreendente qualidade. Ele é capaz de registrar todas as suas falas com naturalidade e na totalidade de sons emitidos. Não há um abafamento ou ruído, para quem escuta o som é bem natural.

A captação de áudio é do tipo cardioide, captando o som apenas do que está de frente para o microfone. O mesmo não possuí nenhum tipo de comando no cabo, seja de controle de volume ou de silenciar. Porém, é possível silencia-lo levantando a haste para cima.

QUALIDADE SONORA

Tendo como seu objetivo principal o desempenho em jogos, o Logitech G432 é muito competente. Mas esmiuçando um pouco mais o perfil sonoro dele temos bons graves, sendo agradável para ouvir músicas eletrônicas no geral, pops com batidas de DJ famosos e EDM. Os agudos também são bons, mas é no perfil de médios que ele se destaca, com grande clareza na reprodução do áudio e destaque para falas e vocais.

O isolamento do ruído externo não é la essas coisas. Mesmo com um formato que faz força contra suas orelhas, encaixando bem precisamente, falta um cancelamento de ruído mais profissional no fone. Não deve ser usado em ambientes barulhentos, com algum ventilador de chão mais forte ou com alguma TV ligada por perto. Esqueça usar em aviões com tranquilidade pois definitivamente não fará tanta diferença estar com ele na cabeça ou não, caso queira jogar e desfrutar de isolamento acústico nas alturas.

Se você quer algo que sirva tanto para jogar quanto para ouvir música, o G432 pode não ser a escolha ideal. É nos games que ele brilha, entregando qualidade em todo tipo de jogo em que pude usá-lo. E o mais legal é a super versatilidade do fone, podendo funcionar no seu PC, notebook, PS4, Xbox One, Switch, 3DS, celular e qualquer outro dispositivo que tenha interface 3.5mm ou USB. Ele funciona perfeitamente e com excelente performance em todos os consoles da atual geração, se tornando um grande coringa caso você tenha mais de uma plataforma em casa.

CONCLUSÃO

O Logitech G432 veio para substituir o popular G430, que era um fone barato e versátil. A versatilidade se manteve, evoluiu-se em qualidade sonora e na performance do microfone, mas com isso temos uma faixa de preço bem diferente.

Seja por conta da pandemia ou do dólar acima dos R$5,50, na data de publicação desta análise é possível achar o G432 partindo de R$530,00. Este definitivamente não é um preço de headset de entrada e nem de intermediário médio, já se enquadra em intermediário premium. E para intermediário premium ainda faltam mais corpo ao fone.

Se ele estivesse na área de preço do HyperX Stinger, custando até um pouco à mais pois entrega mais qualidade sonora e de microfone, o G432 seria uma indicação fácil e óbvia, porém o Stinger fica atualmente na faixa de R$350,00 e R$400,00. Estando mais de 200 reais acima é preciso focar em alguns pontos, como por exemplo a excelente garantia provida pela Logitech no Brasil, para justificar a diferença grande no preço. No mais, o G432 é um excelente fone para o que se propõe e pode ser o coringa que você precisa nas suas jogatinas!

NÍVEL DE RECOMENDAÇÃO: OURO

Pedro Nogueira

Formado em Administração e em GunZ: The Duel. Rei dos FPS e o Toretto dos jogos de corrida no site. O nerd/entusiasta do PC Master Race, responsável por análise de periféricos e hardware. Quebra um galho de streamer lá na twitch.tv/ultimaficha.
Botão Voltar ao topo
Fechar