Marvel’s Avengers vai muito além dos filmes

É um jogo feito para todos os fãs

Marvel’s Avengers foi lançado e pudemos conferir toda a sua história e mitologia envolvendo o game. Aqui nesta matéria vamos falar mais sobre a características presentes em sua narrativa, se desejar ver a nossa análise e saber se vale apena ou não jogá-lo clique aqui.

Algo inegável é o fato do jogo Marvel’s Avengers ter grandes semelhanças visuais com os filmes do Universo Cinematográfico Marvel, em especial a formação da equipe ser equivalente da primeira apresentada nas telonas (saudades Hawkeye). Isso fez com que muitos fãs começassem a teorizar que o jogo fizesse parte do mesmo universo ou um universo baseado naquele que conhecemos pelo cinema. Contudo, ao ser lançado várias características desta “Terra” mostraram-se mais familiar para aqueles que acompanham as revistas em quadrinhos.

ATENÇÃO VAI TER SPOILERS DE Marvel’s Avengers

Logo de inicio temos uma bela visão do quarto de Kamala Khan onde há posters de seus heróis favoritos, entre eles vemos a Capitã Marvel que provavelmente será uma DLC do jogo. Inclusive, sua ausência é justificada pelo Capitão América ao dizer que ela não se encontra na Terra neste momento.

Marvel's Avengers
Visual da Capitã Marvel em Marvel’s Avengers.

Contudo, além deste posters também vemos rapidamente de relance outro que revela muito mais sobre Carol Danvers deste jogo.

Carol Danvers quando era Miss Marvel.

Temos um rápido vislumbre do poster da imagem ao lado, que trata-se unicamente de Carol Danvers em sua época de Miss Marvel. Diferente de sua versão cinematográfica, Carol não iniciou sua carreira sendo Capitã. Ela era uma versão “feminina” de Mar-Vell, o Capitão Marvel. Além disso, ela foi membro honorária dos Vingadores por muitos anos, deixando a equipe brevemente quando mudou de título para Capitã e precisou de cuidar de problemas mais universais do que terrestre. Posteriormente, ela retornou para a equipe e foi uma das dualidades no arco Civil War II.

Deixando a contextualização de lado, agora sabemos que a inspiração de Kamala em se chamar Miss Marvel dentro do game é devido ao legado já construído por uma Miss Marvel anterior.

 

Os inumanos

Temos uma importância sem igual para os inumanos nesta história, começando pela participação muito bem destacada de Kamala Khan.

Aqueles que acompanham apenas o MUC talvez não tenham tanta familiaridade com eles, apesar que sua introdução já aconteceu no Agents of SHIELD que possuem sua ligação com o universo cinematográfico, mesmo que os filmes “ignorem” a existência da série.

Os inumanos são quase que equivalentes aos mutantes, eles são pessoas que despertam os poderes ao entrar em contato com as névoas terrigenas. Não são apenas humanos que podem ser considerados como membros dos inumanos, mas qualquer ser vivo que desperte seus poderes com às névoas. Um bom exemplo disso é Thane, o filho de Thanos.

Os inumanos possuem uma família real que moram no reino de Atillan que já esteve no Himalaia, lua e sobrevoando os EUA. Esta família real é a “nata” dos inumanos, sendo equivalente aos X-mens para os mutantes.

Marvel's Avengers
Inumanos com o rei Blackagar Boltagon (Black Bolt) a frente.

Uma série desta equipe foi produzida, porém, sua qualidade era tão ruim que acabou sendo cancelada.

O fator mais interessante da participação dos inumanos em Marvel’s Avengers se deve a data de seu primeiro anúncio que é em 2017, mesma data do lançamento da desastrosa série, introdução deles no Agents of SHIELD e o começo da participação mais efetiva dos inumanos dentro das histórias da Marvel nos quadrinhos.

É inegável que a Marvel/Disney queria fazer dos inumanos os seus mutantes dentro do MUC, desta forma buscou divulgá-los com mais força e tirar os X-men dos holofotes, tanto que em Marvel vs Capcom Infinite não tivemos a participação de personagens consagrados da franquia como o Wolverine.

A história desse jogo é o último vestígio desta época, uma vez que seu roteiro já deveria estar em produção ou finalizado em 2017.

Sentinela Kree em Marvel’s Avengers

Sentinela Kree

No final do jogo somos apresentados ao sentinela Kree que acaba sendo controlado por M.O.D.O.K. como último recurso. Ele parece algo totalmente aleatório ou sem sentido de estar ali, contudo, sua existência pode ser o fio necessário para uma expansão de história ou um novo jogo no futuro.

A raça Kree veio a Terra há milênios atrás para fazer experimentos com os humanos, deste modo criou os primeiros inumanos. Em busca de saber como essa nova raça iria se adaptar e evoluir, deixaram um sentinela submerso para que este pudesse vigiar esta evolução.

Nos quadrinhos, o seu despertar é ocasionado pelo Quarteto Fantástico e junto disso um sinal é enviado para os Kree a fim de entregá-los um relatório sobre os inumanos. Mais tarde, o sentinela é usado por um vilão com o intuito de destruir o Capitão Marvel, porém, o herói consegue derrotá-lo.

Em Marvel’s Avenger o despertar do sentinela se deve inicialmente ao reator terrigena  posteriormente ao vilão M.O.D.O.K., da mesma forma que nos quadrinhos quem o derrota é a pessoa que tem “Marvel” no nome, porém, desta vez é a nossa querida Kamala. Na última cena pós-crédito o sentinela envia um sinal para o espaço, este se tratando do relatório sobre os inumanos para os Kree.

Conclusão

Marvel’s Avengers buscou ser visualmente mais aceitável pelo público dos cinemas, mas adaptou bons conteúdos dos quadrinhos para também agradar os fãs destes. É uma obra que tenta abraçar o melhor dos “dois mundos” para entregar uma mitologia mais rica, mesmo que ainda possuam influência da Disney na época “No More Mutants” publicitária.

Pegou mais alguma referência ou gancho não foi citado? Comente! Fazemos questão de ampliar essa matéria.

Anderson Mussulino

Publicitário louco por toda a cultura geek. Redator do Última Ficha e apaixonado por jogos que vem da terra do sol nascente.
Botão Voltar ao topo
Fechar