Liga Brasileira de Free Fire 3ª etapa – Semana 4

Só jogaço!

A Semana 4 da Liga Brasileira de Free Fire (LBFF) terminou no domingo (13) e foi marcada pela ascensão das equipes que brigam por um espaço na parte de cima da tabela. A disputa pela liderança também foi pegada e a diferente entre os primeiros colocados é mínima, o que mantém a briga ainda mais quente para as próximas rodadas do campeonato.

No sábado, o Santos fez dobradinha e completou 26 partidas sem trocar de jogador. Mesmo mantendo a constância, o Peixe não conseguiu fechar o dia na liderança, já que o Flamengo B4, também muito nas quedas, conseguiu manter a primeira colocação com 3 pontos de diferença. A Los Grandes, que briga por um espaço na zona de classificação, também fez o BOOYAH!, assim como a Black Dragons, que vem se mostrando cada vez mais constante no torneio.

A BD é um time muito constante e sempre acaba conseguindo um bom posicionamento no final de partida. A constância é o que ganha o campeonato. Se eles permanecerem assim, pegando algumas eliminações e sabendo se posicionar, vão brigar pelo topo igual fizeram na C.O.P.A. Free Fire, onde consequentemente saíram como campeões”, analisou Solotov, que também aproveitou para exaltar a mudança tática na Los Grandes:

“Eles nunca mudaram o estilo de jogo, e consequentemente estão na parte de baixo da tabela. Estão mudando para ver se conseguem deixar a zona de rebaixamento e buscar o Top 12. Eu acho bem interessante esse jeito de jogar segurando mais um pouco, até porque não compensa muito você trocar de início, avançar desesperadamente. Eles precisam administrar melhor um pouco, saber a hora de rushar e quando eles conseguirem fazer isso, consequentemente vão jogar muito bem todas as quedas”.

FEAR, que também fez um ótimo sábado, fechou a conta da 7ª rodada junto com a KaBuM!, que apesar de figurar a parte de baixo da tabela, tem mostrado evolução, mas precisa tomar uma atitude, segundo Solotov:

Eles estão em uma crescente grande dentro o campeonato, mas conseguiram o Top 3 (na última queda do dia) com poucas eliminações. Eu acho que está faltando um pouco mais de agressividade, talvez, parece que eles têm medo de avançar um pouco mais para pegar alguns abates”.

Veja abaixo como ficou a tabela atualizada da Liga Brasileira de Free Fire e clique aqui (sábado domingo) para saber os destaques das quedas.

Veja aqui a tabela atualizada de Estatísticas da LBFF e clique para acessar as fotos oficiais da competição.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Realizada totalmente online e com transmissão no YouTube e na BOOYAH!, plataforma de streaming da Garena, a competição reúne as melhores equipes do Brasil, na disputa pelo título e por vagas para o Free Fire Continental Series (FFCS), torneio continental que acontece em 21 de novembro.

Com premiação total de R$ 100 mil, a LBFF Série A reúne os 18 times da elite do Free Fire, que se enfrentam em seis quedas por dia, entre os mapas de Purgatório, Bermuda e Kalahari. Clique aqui para saber como funciona o sistema de pontos.

A apresentação fica a cargo de rostos conhecidos da comunidade do Free Fire, com Camilota XP e Murilo Show. Diego Hads, AnaXisdê e Luis Folha farão os comentários das partidas, avaliando os destaques de cada queda. Pfonn e Solotov trarão análises de estratégias de quedas e informações. Enquanto isso, Tawna trará informações extras dos pro players e equipes.

Os fãs que assistirem às partidas da LBFF por meio da BOOYAH! poderão ganhar dropzins diretamente no jogo.

E para mais noticias sobre o mundo dos games não deixe de navegar em Última Ficha!

Paulo Everton

Gamer, Gaymer e muito orgulhoso! Descobri os videojogos com 7 anos de idade, de lá para cá foi uma ladeira sem fim, horas gastas em frente a televisão e muita, mas muita mesmo, história para contar, vivi tantas vidas quanto consigo me lembrar, e quer saber? É muito bom não ser a si mesmo!
Botão Voltar ao topo
Fechar