Tendência

Análise: Party Hard 2 proporciona muita ação, porém com ressalvas

Jogo foi lançado em 2018 para PC, e chegou dois anos depois aos consoles!

Party Hard 2 é um jogo de ação e estratégia, desenvolvido pela Pinokl Games e distribuído pela tinyBuild. A sequência do popular jogo de 2015 traz melhorias nos gráficos, cenários maiores e mais complexos, e conta com um exclusivo modo cooperativo. Ainda, com uma narrativa mais concisa, o jogo promete elevar a franquia.

O que é Party Hard 2?

O jogo possui um conceito bastante simples: Um homem regular encontra-se frustrado com os problemas do cotidiano. E uma festa agitada no vizinho, durante a madrugada, funciona como a gota d’água para desencadear um surto psicótico. Os jogadores são colocados na pele de Darius, cuja rotina se resume a trabalhar e dormir, e decide dar um fim nas festas barulhentas que o cerca.

Party Hard 2

A narrativa é contada em uma entrevista na televisão, servindo para tornar mais coesa a variação de cenários nos quais o jogo é situado. Conforme o jogador progride, uma psicóloga renomada conta mais detalhes do caso de Darius, que havia sido tratado de problemas psicóticos no passado.

A festa no apê

A jogabilidade de Party Hard 2 expande o que foi apresentado no primeiro jogo. Com um total de 13 diferentes fases, cada uma com diversos objetivos secundários e de formas de conclusão do nível, os jogadores são desafiados a realizar eliminações sem levantar suspeitas, das mais criativas maneiras. Espalhados pelos cenários ficam objetos com os quais podem ser interagidos, causando explosões, colisões e eletrocussões. Ainda, com a capacidade de inventário de até 4 objetos, os jogadores podem coletar armas, granadas e outros itens que auxiliam na destruição das festas.

Na maioria das fases são disponibilizadas duas opções para vencer o nível: Eliminar todas as pessoas, ou cumprir objetivos específicos. Em certos desafios, é necessário coletar chaves de acesso, eliminar alvos específicos ou até entrar em locais sem levantar alarde. Ainda, estão dispostas pelas fases mais objetivos secundários, que recompensam os jogadores com pontos de experiência para desbloqueio de novos itens. Essa grande variação de missões torna a experiência ainda mais instigante a jogadores que curtam repetir a dose para se desafiarem, elevando ainda mais o tempo de jogo.

Ainda, vale ressaltar a dificuldade de certos cenários do game. Enquanto alguns dos níveis contam com uma quantidade pequena de “festeiros”, outros possuem diversos objetivos principais e vários empecilhos que tornam a experiência um pouco frustrante. Visto que não existem checkpoints durante as fases, existe a possibilidade de você concluir os objetivos principais, porém, ao ser pego tentando escapar do cenário é preciso reiniciar a fase.

Nunca mais eu vou dormir

Party Hard conta com uma trilha sonora bastante agitada, e o visual que mistura personagens pixelados e objetos em voxel, e seu sucessor não ficou nada atrás disso! Nele, os cenários receberam um carinho ainda maior, com detalhes muito trabalhados e efeitos visuais de encher os olhos! E a trilha sonora casa tanto o sentimento de alegria quanto o de desespero do protagonista de estar ali, provocando uma certa dose de ansiedade. O único problema é que as faixas acabam se tornando um pouco repetitivas durante a progressão na história.

Party Hard 2

O jogo conta com dois personagens desbloqueáveis, que possuem habilidades únicas e permitem variações nas abordagens das festas. Para complementar, existe uma progressão que permite aos jogadores iniciar os níveis com objetos diferentes, facilitando aqueles que optem por jogar as fases novamente. E para melhorar a experiência ainda mais, o jogo conta com um modo cooperativo para até duas pessoas! As fases são as mesmas da história singleplayer, porém exigem que os jogadores coordenem suas ações para saírem ilesos.

Party Hard 2 vale a pena?

Party Hard 2 é um jogo bastante completo, e está disponível para PC, dispositivos móveis e praticamente todos os consoles. Por conta disso, é bastante acessível aos jogadores de qualquer plataforma. No entanto, seu preço cheio não reflete aos jogadores que irão zerar a história uma única vez. O game conta com uma jogabilidade bastante divertida e interessante, gráficos espetaculares e uma trilha sonora bastante intensa, tudo isso compactado em 13 níveis, cuja história dura torno de 4 horas. Ainda, esse tempo pode variar, por conta da habilidade do jogador e escolha de como abordar os níveis.

Dessa maneira, é possível considerar que o jogo seja bastante interessante a jogadores que estejam buscando uma experiência para se jogar em doses pequenas, sem a necessidade de absorver uma trama complexa. Para os fãs do primeiro jogo e pessoas que curtam jogos arcade, o Party Hard 2 é indispensável.

Essa análise segue nossas diretrizes internas. Clique aqui e confira nosso processo de avaliação.

Party Hard 2

Visual, ambientação e gráficos - 9
Jogabilidade - 8
Diversão - 7
Áudio e trilha-sonora - 7
Fator Replay - 8

7.8

Bom

Party Hard 2 traz diversas melhorias em relação a seu antecessor, porém isso não vem sem alguns erros! Com uma jogabilidade divertida, mas em alguns momentos frustrante, o jogo expande muito o universo da franquia!

User Rating: Be the first one !

Nicolas Togashi

Graduado em desenvolvimento de jogos e aficionado por essa mídia, perde mais tempo jogando do que efetivamente utilizando a graduação para alguma coisa. Ama RPGs, e se esforça para ser um bom aliado nos jogos online.
Botão Voltar ao topo
Fechar