F.I.S.T ganha até 3x de performance com NVIDIA DLSS

Além do melhor desempenho pelo NVIDIA DLSS, jogo tem gráficos belíssimos em Ray Tracing e suporte ao NVIDIA Reflex, que traz uma queda de latência de até 45%

A aventura de plataforma F.I.S.T.: Forged in Shadow Torch chega hoje ao PC, e o jogo está repleto de tecnologias da NVIDIA como o NVIDIA DLSS, NVIDIA Reflex e Ray Tracing.

Iluminação por Ray Tracing, até 3x mais ganho de desempenho com NVIDIA DLSS

F.I.S.T. está iluminado via Ray Tracing por toda parte e isso inclui reflexos via traçados de raios, iluminação global e cáusticos de água que melhoram consideravelmente a qualidade da imagem no jogo.

Qual é o melhor SSD para o PS5? Confira lista e links para comprar!

O DLSS garante uma melhora de desempenho de até 3x na resolução 4K com Ray Tracing, que é utilizado por toda parte em F.I.S.T. Com o DLSS ativado, o jogo roda a 60 FPS em 4K com Ray Tracing, em todas as placas acima da GeForce RTX 3060 Ti!

Da mesma forma com os notebooks, o NVIDIA DLSS permite que os usuários com uma GeForce RTX tenham uma experiência ainda melhor em F.I.S.T.: Forged in Shadow Torch, com todas as configurações no máximo e taxa de quadros por segundo fluídos. Conforme o gráfico abaixo:

45% menos latência com o NVIDIA Reflex

Em F.I.S.T.: Forged in Shadow Torch, a TiGames usa a tecnologia para reduzir a latência em até 45%.

A Shanghai TiGames Network Technology Limited e a NVIDIA estão entregando algo especial para os jogadores de GeForce com F.I.S.T.: Forged in Shadow Torch. A experiência do jogo em uma GPU GeForce RTX é a mais imersiva que se pode ter.

Pedro Nogueira

Formado em Administração e em GunZ: The Duel. Rei dos FPS e o Toretto dos jogos de corrida no site. O nerd/entusiasta do PC Master Race, responsável por análise de periféricos e hardware. Quebra um galho de streamer lá na twitch.tv/ultimaficha.
Botão Voltar ao topo