Equipe brasileira feminina de VALORANT da Team Liquid é tricampeã do Protocolo Gêneses e garante vaga para o Game Changers Series Brasil

Cavalaria voltou a erguer o troféu da competição no último domingo (8) após vencer por 3 a 1 a TBK Esports na grande final

No último domingo (8), a equipe brasileira feminina de VALORANT da Team Liquid sagrou-se tricampeã do Protocolo Gêneses e garantiu vaga para a 1ª edição do Game Changers Series Brasil, torneio qualificatório que vale vaga para o mundial da modalidade. A Cavalaria, que já tinha conquistado as duas primeiras etapas da competição, voltou a erguer o troféu ao vencer por 3 a 1 a TBK Esports na grande final.

Gotham Knights chega em Outubro e não sairá mais para PS4 e Xbox One

Realizado pela Gamers Club em parceria com a Riot Games, o Protocolo Gêneses é uma série de quatro campeonatos em que as equipes acumulam pontos para um ranking final. Ao término das quatro etapas, os oito melhores classificados garantem vaga para o Game Changers Series Brasil. A Team Liquid conquistou um lugar no qualificatório antes mesmo da disputa do quarto Protocolo Gêneses (marcado para acontecer entre 2 e 5 de junho), já que, pela pontuação, não pode ser ultrapassada por oito times na última fase.

 “Estamos muito felizes e orgulhosos com esse tricampeonato. Trabalhamos muito para sempre evoluir e fomos recompensados com mais um título. Apesar da vaga garantida para o Game Changers Series Brasil, vamos entrar no quarto Protocolo Gêneses para ganhar novamente”, disse André “Palestra” Gomes, treinador da equipe brasileira feminina de VALORANT da Team Liquid.

A Team Liquid se tornou tricampeã do Protocolo Gêneses jogando com Ana “naxy” Beatriz, Paola “drn” Caroline, Natália “daiki” Vilela, Natália “nat1” Meneses e Paula “bstrdd” Naguil, além do treinador Palestra.

 Para mais informações sobre a Team Liquid, acesse o site ou o Instagram da Cavalaria.

Leonardo Coimbra

Mestre supremo do Ultima Ficha, não manda nem em seus próprios posts. Embora digam que é geração PS2, é gamer desde o Atari e até hoje chora pedindo um Sonic clássico e decente. Descobriu em FF7 sua paixão por RPG que dura até hoje. Eventualmente é administrador e marketeiro quando o chefe puxa sua orelha com os prazos.
Botão Voltar ao topo