Agora é OFICIAL: Michael Jackson realmente trabalhou em Sonic 3

A lenda urbana é realidade

Hoje o criador de Sonic, Yuki Naja, veio a público colocar um ponto final em uma antiga lenda urbana: Afinal, Michael Jackson trabalhou ou não trabalhou na trilha sonora de Sonic 3? A resposta é um estrondoso sim!

Antecipado A Plague Tale: Requiem chega em Outubro

Através de sua conta no twitter, Naja-san se mostrou surpreso a nova coletânea de Sonic Origins, que lançou hoje, ter uma trilha sonora diferente.

E em seguida ele ficou supreso ao mudarem a música do jogo, por mais que tenham usado no Tik Tok oficial a música de Michael Jackson.

Inclusive em um dos tweets, ele compartilhou a foto que tirou do helicóptero do Michael Jackson enquanto iam para a casa do cantor.

Entendendo a antiga polêmica

Sonic 3 fui um dos grandes sucessos do ouriço azul e muitos dos elogios se recairam sobre sua excelente trilha sonora, que muito possivelmente é a melhor da franquia. E após seu lançamento, inúmeros rumores surgiram que Michael Jackson havia ajudado a fazer a trilha sonora do jogo. Isso era algo provável, pois a SEGA tinha proximidade com o cantor devido ao seu jogo Moonwalker lançado no Mega Drive.

Porém, da mesma forma que os rumores surgiram, a SEGA fez questão de desvincular seu nome do cantor, pois foi a época em que os escandalos de abuso de menores começaram de surgir. Além do polêmico episódio do cantor exibindo seu bebê para fora da janela do hotel.

Como Sonic 3 em Origins foi alterado?

O canal da GameXplain fez, além de sua análise do jogo, um vídeo focado nas alterações das músicas entre a versão original e esta nova coletânea. Eles identificaram que três músicas não foram licenciadas as músicas das fases Carnival Night Zone, Ice Cap Zone e Launch Base Zone.

A nível de curiosidade, eles trocaram essas músicas pelas músicas que foram usadas no protótipo original do jogo. É perceptível a diferença de qualidade entre as músicas originais de Sonic 3 feito com a ajuda de Michael Jackson e as “novas” que estão na coletânea.

Leonardo Coimbra

Mestre supremo do Ultima Ficha, não manda nem em seus próprios posts. Embora digam que é geração PS2, é gamer desde o Atari e até hoje chora pedindo um Sonic clássico e decente. Descobriu em FF7 sua paixão por RPG que dura até hoje. Eventualmente é administrador e marketeiro quando o chefe puxa sua orelha com os prazos.
Botão Voltar ao topo