Análise: Remnant From the Ashes é bom, bonito e barato

Análise: Remnant From the Ashes é bom, bonito e barato

Quando comecei a jogar Remnant from the Ashes, eu torci o nariz ao reparar similaridades do jogo com The Division e outros títulos do gênero looter-shooter. Pessoalmente não gosto de The Division pelo foco excessivo em itens (inúteis), muito grind...
read more
Análise: RAD é a aventura num Chernobyl biológico

Análise: RAD é a aventura num Chernobyl biológico

RAD é o novo game desenvolvido pela Double Fine junto da Bandai Namco. Dessa vez trazendo um roguelike que se passa num futuro pós-apocalíptico causado por uma devastação biologicamente nuclear fazendo com que as pessoas tive...
read more
Análise: Exception mescla Meat Boy e Mega Man e quase dá 100% certo

Análise: Exception mescla Meat Boy e Mega Man e quase dá 100% certo

Jogos de plataforma me agradam, muito. Games de plataforma de alta intensidade me agradam ainda mais. Faz muito tempo que eu não pegava em mãos um título realmente frenético que me fizesse passar de fase atrás de fase sem par...
read more
Análise: Joia brasileira Chroma Squad chega brilhando no Nintendo Switch

Análise: Joia brasileira Chroma Squad chega brilhando no Nintendo Switch

Chroma Squad é um jogo brasileiro criado pela Behold Studios que foi inicialmente lançada em 2015 para PC’s. Em 2017 o jogo chegou para Xbox One, Playstation 4 e para os aparelhos mobile. E agora em Agosto de 2019 ele...
read more
Análise: Mutant Year Zero: Road to Eden chega ao Switch com grande downgrade

Análise: Mutant Year Zero: Road to Eden chega ao Switch com grande downgrade

Mutant Year Zero: Road to Eden é um jogo de RPG tático que lembra muito o famoso X-COM, mas inovando a fórmula já batida. Ele foi lançado originalmente em Dezembro de 2018 e agora chega ao Nintendo Switch sido lançado....
read more
DOOM 1, 2 e 3: impressões dos jogos clássicos e gameplays

DOOM 1, 2 e 3: impressões dos jogos clássicos e gameplays

Recentemente a Bethesda re-lançou os três primeiros DOOM para os consoles atuais (PS4, Xbox One e Nintendo Switch) e DOOM 1 e 2 para celulares. Graças a nossos amigos na Bethesda, nós recebemos para jogar esses três clás...
read more
Análise: Fire Emblem Three Houses tem tudo pra ser o melhor RPG do ano

Análise: Fire Emblem Three Houses tem tudo pra ser o melhor RPG do ano

Fire Emblem é uma franquia muito antiga da Nintendo e pessoalmente, ela está no Top 3 dos jogos da Big N. Para quem não sabe, Fire Emblem é um RPG Tático, ou seja, cada personagem tem seu job e terá...
read more
Análise: Metal Wolf Chaos XD traz nostalgia da expectativa

Análise: Metal Wolf Chaos XD traz nostalgia da expectativa

Metal Wolf Chaos foi um jogo controverso. Lançado pela From Software (sim, aquela de Dark Souls) em parceira com a Microsoft em 2004, o jogo tinha um propósito específico: tentar trazer simpatizantes japoneses ao Xbox, recém chegado...
read more
Análise: Wolfenstein: Youngblood – não entre nessa sem um amigo

Análise: Wolfenstein: Youngblood – não entre nessa sem um amigo

Wolfenstein é uma franquia de sucesso que vem se renovando ao longos dos anos. O jogo não só é um clássico do gênero Fake 3D 2.5D raiz como conseguiu agradar os novos jogadores com seus últimos jogos para essa ge...
read more
Análise: Kill la Kill the game IF, Arc System não consegue decepcionar nem se tentar!

Análise: Kill la Kill the game IF, Arc System não consegue decepcionar nem se tentar!

Poderia muito começar essa introdução com “SHUT UP AND TAKE MY MONEY”, mas vou me conter, a Arc System Works tem re-inventado e abalado o mundo dos games de luta, apresentando sempre jogos bonitos, divertidos, cheio de mec&acir...
read more
1 2 3 51