Análise: Paladins dá aula de customização e balanceamento

Matéria pensada e criada por nosso colaborador Felipe Carvalho.

Paladins é um shooter que coloca frente a frente 5 jogadores em cada equipe, com grandes possibilidades para customização, sejam elas de habilidades baseadas em cards, aparências (skins) ou modos de jogo, o que torna esse game free-to-play uma ótima opção para os que apreciam trabalho em equipe.

Com 37 campeões até o momento, cada um com habilidades únicas e divididos em 4 diferentes classes: Tanque, suporte, dano e flanco, Paladins satisfaz os que buscam variedade na jogabilidade. Arcos e flechas, rifles, magias, espadas, lança chamas, shotguns são alguns dos itens disponíveis no arsenal de cada um dos personagens que podem ser selecionados nos embates.

eFxwiiK
O diferencial de Paladins é a forma que cada um desses campeões pode ser customizados e esse sistema foi melhorado após a saída do game da versão beta. Uma vez selecionado o campeão não pode ser alterado durante a partida, cada personagem possui 16 cards com níveis que vão de 1 até 5 e slots para customização de baralhos que afetam diretamente nas habilidades desse campeão. Cada baralho possui espaço para 5 cartas tendo o nível máximo de cada carta totalizando em seu somatório 15 pontos. Isso faz com que por exemplo seja possível potencializar uma habilidade de cura de um personagem de suporte, aumentar de maneira considerável o critico de um campeão de flanco ou mesmo para aqueles que desejam jogar com um tanque e não querem simplesmente marcar posições, é possível aumentar o dano causado por esse campeão tornando a experiência de cada jogador única. Ainda também sendo possível escolher no inicio de cada combate 1 dentre 4 talentos para seu campeão. Lembrando que itens também podem ser comprados durante as partidas para melhorar seus stats e habilidades conforme a estratégia tomada.

Deixando de lado as opções de combate ainda é possível adquirir diversas aparências para cada personagem por meio de cristais ou moeda coletada cumprindo objetivos e participando de partidas.

transferir

São 3 modos de jogo, Cerco que é dividido em rodadas onde o objetivo é empurrar uma carroça pelo mapa dominando certos pontos, o clássico mata-mata e chacina onde a equipe precisa dominar um ponto central do mapa até que consiga 400 pontos. Ocasionalmente são adicionados modos (como por exemplo um modo Battle Royale disponível a alguns meses atrás e que possivelmente serviu de teste para o novo lançamento Paladins Realm Royale) e eventos temporários ao game, que permitem ganhar mais pontos e itens exclusivos dentro do game.

maxresdefault (3)

Todos devem jogar e dar uma chance

Chegando também para Nintendo Switch, Paladins se reformula saindo do estado de beta, agregando melhorias em sua mecânica e estrutura de jogo. E com o suporte dado pela produtora, o game tende a agradar a todos, seja o público casual ou os mais competitivos.

notas

Publicado
Gamer há tanto tempo que usa consoles como referência cronológica para lembranças de sua vida. Amante de Mega Man, Resident Evil e Warcraft. Se gaba por ter zerado Battletoads aos 9 anos mas abandonou Bloodborne com 26.