Distortions levou o prêmio de melhor jogo brasileiro do BIG Festival. Confira os vencedores da feira

A Among Giants, produtora brasileira de games, anuncia que o Distortions foi eleito o melhor jogo brasileiro de 2017. A premiação aconteceu na noite da última quinta-feira (29) e premiou os melhores jogos do BIG Festival, maior evento de games independentes da América Latina.

Além do prêmio de melhor jogo brasileiro do ano, o Distortions ainda foi escolhido o melhor jogo da feira por voto popular. “Esse é, sem dúvidas, o dia mais feliz das nossas vidas”, disse Thiago Girello, diretor do Distortions. “Nós estamos desenvolvendo o Distortions há 8 anos e muitas vezes nos perguntávamos se estávamos fazendo a coisa certa. Fazer o Distortions sempre foi muito divertido e receber esses dois prêmios nos mostra que fizemos a escolha certa e nos motiva a continuar polindo o jogo para entregar um produto incrível para o público”, completou.

Mais de 768 jogos, de 54 países, foram recebidos e analisados pelo comitê de avaliação do BIG. Destes, foram selecionados 45 que posteriormente foram distribuídos em 13 categorias: Melhor Jogo, Melhor Jogo Brasileiro, Melhor Jogo Latinoamericano, Melhor Jogo Educacional ou de Impacto Social, Melhor Jogo de Realide Virtual, Melhor Arte, Melhor Narrativa, Melhor Som, Melhor Gameplay, Inovação, BIG Starter: Melhor Jogo de Entretenimento, BIG Starter: Melhor Jogo Educacional ou de Impacto Social e Melhor Jogo por Voto Popular.

Confira todos os vencedores do festival:

Melhor Jogo: Overcooked
 
Há muitos jogos divertidos e bem executados neste festival, o que fez o júri quebrar a cabeça para descobrir quem premiar no final. Depois de muita deliberação, “Overcooked” foi escolhido por sua mistura vencedora de inovação, acessibilidade e diversão. Jogar “Overcooked” coloca à prova a durabilidade tanto de suas amizades quanto do seu sofá.
 
Melhor Jogo Brasileiro: Distortions
Melhor Jogo Voto Popular: Distortions
 
De todos os jogos brasileiros competindo nesta competição, “Distortions” se destaca pela fantástica síntese de design visual e sonoro que contribui para a criação de um ambiente e de uma narrativa que são tão eletrizantes quanto emocionantes.
 
Melhor Jogo América Latina: The Deadly Tower of Monsters
 
Nesta aventura, o jogador faz a jornada de um herói de ação do cinema na compania de fiéis escudeiros e uma torre cheia de monstros. O estilo audiovisual retrô evoca, com sucesso, o sentimento clássico dos filmes da era atômica.
 
Melhor Jogo Educacional ou de Impacto Social: Orwell
 
Com o advento do mundo digital, cada vez mais vivemos em uma sociedade na qual a vigilância e a coleta de informações privada é onipresente. “Orwell” é uma exploração arrepiante de quão fácil é de se observar (e mal interpretar) tudo o que fazemos (ou podemos fazer) no ciberespaço.
 
Melhor Jogo de Realidade Virtual: SUPERHOT VR
 
“SUPERHOT VR” utiliza com maestria os recursos desta plataforma, levando a Realidade Virtual para outro patamar. Divertido e interessante, este prêmio é mais que merecido.
 
Melhor Arte: Old Man’s Journey
 
“Old Man’s Journey” é um jogo bonito e cativante. O prêmio de melhor arte é um reconhecimento justo ao bom gosto estético e talento artístico do time.
 
Melhor Narrativa: Figment
 
A narrativa do jogo “Figment” lida com o tema de envelhecer. Assuntos sensíveis como doença, stress e depressão são cuidadosamente discutidos e representados em um mundo de sonhos.
 
Melhor Inovação: Yankai’s Peak
 
O desenvolvedor Kenny Sun prende a atenção do jogador com um gameplay inovador que é ao mesmo tempo simples e. Yankai’s Peak” eleva o gameplay de quebra-cabeças a uma forma de arte.
 
Melhor Som: ETHEREAL
 
O áudio em “ETHEREAL” não é apenas “o som do jogo”. O som É o jogo. Este som adiciona uma grande profundidade ao visual e gameplay minimalista, e aos poucos, vai se infiltrando de forma completa à mente do jogador.
 
Melhor Gameplay: Overcooked
 
“Overcooked” é um jogo cooperativo multijogador local frenético e super-divertido. Apesar de ser baseado em ações simples, o ingrediente secreto nesta receita é a coordenação necessária entre os jogadores para continuar atendendo a sua clientela frente a desafios que aos poucos vão ficando cada vez mais complexos e surpreendentes.
 
BIG Starter – Entretenimento: King Boom
 
King Boom comprovou seu potencial para o sucesso ao unir a um planejamento comercial sólido seu universo colorido, dançante e carismático.
 
BIG STARTER – Educacional: Medroom
 
Medroom traz uma proposta madura, com oportunidades de aplicação global para a formação, aprendizagem e treinamento na área de saúde – em que a introdução de novas tecnologias é fundamental.

Leonardo Coimbra

Mestre supremo do Ultima Ficha, não manda nem em seus próprios posts. Embora digam que é geração PS2, é gamer desde o Atari e até hoje chora pedindo um Sonic clássico e decente. Descobriu em FF7 sua paixão por RPG que dura até hoje. Eventualmente é administrador e marketeiro quando o chefe puxa sua orelha com os prazos.
Botão Voltar ao topo
Fechar