Análise: WarioWare: Get It Together!

Prepare-se para a insanidade do mundo de Wario!

Chegando aos consoles GameBoy Advance e GameCube em 2003, a franquia WarioWare surgiu com uma visão irreverente dos minigames, apresentando situações incomuns e nada esperadas dos jogos da franquia Wario. Considerando o passado satírico e debochado do protagonista, não é difícil entender o motivo da franquia ter se estabelecido e continuou recebendo mais e mais iterações ao longo dos anos.

Chegando à mais recente geração de consoles da Nintendo, a grande novidade de WarioWare: Get It Together tem sido o aspecto cooperativo que a Big N reforça sobre o Switch desde seu anúncio. Desta vez, os jogadores devem cooperar, selecionando entre os mais diversos personagens da franquia, para vencer os mais malucos e bizarros desafios de raciocínio rápido. E como em todos os capítulos da série, os jogadores podem esperar por muita aleatoriedade.

A análise de WarioWare: Get It Together foi realizada no Nintendo Switch graças a um código cedido pela Nintendo, a qual agradecemos a confiança e parceria.

Pane no sistema alguém me desconfigurou

O jogo inicia de maneira bastante descontraída, com o protagonista preparando-se para o lançamento de seu novo jogo em conjunto com seus amigos quando todos são sugados para o console portátil por conta de uma força misteriosa. Lá dentro, Wario nota que o console está infestado de erros que estão corrompendo as fases prontas do game.

Análise Warioware

Com isso, os jogadores devem acessar cada uma das fases, enfrentar os mais insanos desafios e trabalhar juntos para desvendar as maneiras mais criativas e ágeis de vencer cada um dos mini jogos sem perder tempo. No modo história, cada um dos cenários possui um tema e conta com um personagem principal da turma do Wario. Os mesmos passam por uma introdução, que conta com uma cinemática e insere os jogadores em curtas narrativas centradas para cada um dos personagens e temas das fases.

Além do modo campanha, o jogo conta com diversos modos multijogador que agregam competitividade aos microgames, com uma dezena de modos alternativos que expandem a experiência além dos mais de 200 minigames. Vale ressaltar que esses 200 minigames podem ser jogados com qualquer um dos 18 personagens disponíveis, e cada um conta com mecânicas de jogabilidade diferentes que devem adaptar os gostos dos mais diferentes tipos de jogador.

Aleatoriedade e diversão garantida

A jogabilidade de WarioWare: Get It Together é bastante desafiadora e exige que os jogadores tenham raciocínio rápido e muita facilidade de análise. De desafios de memorização a outros que exigem compreensão da língua inglesa e até outros que levarão os jogadores a atravessar fases completas de Super Mario World, como mencionado acima, existem 18 maneiras diferentes para enfrentar os mais diversos testes. Ainda, considerando que os jogadores não podem selecionar o personagem favorito para cada um dos desafios, dependendo de um grupo entre três e cinco membros selecionados para a equipe, a variedade e capacidade de adaptação se torna um elemento-chave para progredir no jogo.

Felizmente, o modo história é bastante linear e não pune os jogadores que não vencerem os desafios dentro do tempo determinado. Apesar de apresentar uma tela de game over ao final das vidas, os jogadores podem utilizar de uma moeda interna para continuar do ponto onde perderam, e assim progredir na campanha.

E novamente citando os modos alternativos do game, a variedade de modos para até quatro players tornam a experiência bastante dinâmica. Desde desafios nos quais os jogadores devem atrapalhar as telas dos inimigos, dificultando a progressão nos microgames, até modos competitivos nos quais os jogadores com uma análise mais rápida dos jogos fazem seus oponentes perderem vidas, e até um modo de plataforma em uma corrida até o final da fase, este game do WarioWare deve garantir muita risada e competição entre seus amigos.

As aventuras da turminha do Wario

Apresentando uma narrativa nada séria, com personagens fantasiosos, diálogos bobos e engraçados, e juntando os jogos mais bizarros e sem sentido neste grande pacote, WarioWare: Get It Together! combina diversos elementos que garantem diversão para festas e também devem entreter jogadores sozinhos que busquem a irreverência. Mas vale ressaltar que apesar da apresentação descontraída, o game testará as habilidades dos jogadores e deve apresentar desafios até para os mais habilidosos.

Apesar de possuir pontos fortes na variedade de conteúdo, o game pena pelo seu propósito bastante simplista e pode se tornar um pouco maçante quando jogado em single player, considerando um curto modo história de cerca de duas horas. Ainda, considerando o valor de um jogo de grande porte (R$300,00 na loja Nintendo br), o jogo se torna ainda mais distante do mercado brasileiro. Ainda, a falta de localização em Português afastará certos jogadores, visto que alguns dos desafios exigem compreensão de sentenças e palavras em inglês.

Mas vale ressaltar que o produto final é extremamente polido e com certeza garantirá horas de diversão com amigos, dentre suas dezenas de modos, diversos personagens e centenas de minigames. O único problema é que o mesmo é destinado a um nicho bastante específico e que sua apresentação possa afastar jogadores que fiquem confusos com todo o caos presente no game.

Análise Warioware

A análise de WarioWare: Get It Together segue nossas diretrizes internas. Clique aqui e confira nosso processo de avaliação.

WarioWare: Get It Together!

Visual, ambientação e gráficos - 8
Jogabilidade - 9
Diversão - 9
Áudio e trilha-sonora - 8
Variedade de conteúdo - 9

8.6

Ótimo

WarioWare: Get It Together! apresenta um modo campanha curto, mas conta com uma enorme variedade de conteúdo que o define como um ótimo party game! O jogo possui centenas de minigames, modos cooperativos e conta com 18 personagens diferentes!

User Rating: Be the first one !

Nicolas Togashi

Graduado em desenvolvimento de jogos e aficionado por essa mídia, perde mais tempo jogando do que efetivamente utilizando a graduação para alguma coisa. Ama RPGs, e se esforça para ser um bom aliado nos jogos online.
Botão Voltar ao topo