Análise: EVGA RTX 3060 12GB XC Black

RTX 3060 começa a pipocar abaixo dos 3 mil reais, se tornando uma ótima opção

Caindoooooo! Sim, finalmente os preços das GPUs no mercado brasileiro começam a despencar. E a RTX 3060 começa a aparecer constantemente em promoções abaixo dos 3 mil reais à vista. Nesse preço, depois do que passamos e olhando o cenário atual, você vai saber nesta análise da EVGA RTX 3060 12GB XC Black se vale ou não a pena!

Esta análise só foi possível graças a uma unidade da NVIDIA RTX 3060 12GB EVGA XC Black emprestada pela NVIDIA. Pequenas variações de desempenho podem ocorrer de modelo para modelo e também dependendo da configuração que ela está inserida. Em nosso caso, deixaremos todas as configurações desta máquina, e de outras usadas nos gráficos, no link abaixo.
Link: https://docs.google.com/document/d/154UH9m6zBkBTnC49DJkp_IeW22tWHmIP1njHUG-lNGY/edit?usp=sharing

Compre diversos modelos da RTX 3060 12GB direto na Magalu clicando aqui!

Essa 3060 chega num ótimo momento aqui para o Última Ficha. Recentemente tivemos RTX 3060 mobile, RTX 3070 mobile e a AMD RX 6600 XT, que compete diretamente, pau a pau com ela. Além disso, será interessante ver a ordem da família mobile e desktop, mostrando a diferença de um modelo de laptop para um modelo de PC.

DESIGN E CONSTRUÇÃO – Análise EVGA RTX 3060

O modelo recebido para esta analise, o EVGA XC Black, conta com um tamanho reduzido. Isto não afeta sua refrigeração para pior e de quebra ainda acaba sendo um ótimo modelo para escolher caso você esteja montando um setup compacto, como IXT por exemplo.

Para a refrigeração a EVGA colocou um sistema de dois FANs, dissipador de alumínio, heatpipes em cobre e um concector de energia PCIE 8 pinos. Nada de backplate para este modelo. Porém, graças a ausência de backplate, um dos FANs consegue fazer a circulação de ar completa, graças ao design proposto pela EVGA.

A escolha parece correta para a categoria da placa. Um cooler eficiente, silencioso quando não exigido, aceitável quando em load com o perfil das ventoinhas no automático e com um ruído esperado em 100%. Nada de um cooler overkill para uma placa da série 60, o que ajuda o preço final a não ser exagerado.

A placa ficou estável com clock em 2100Mhz no Ungine Heaven. Com o perfil automático dos FANs, a placa não passou de 72 graus, e com o perfil em 100% não passou de 67 graus. A temperatura ambiente era de 27 graus no momento do teste.

DESEMPENHO – Análise EVGA RTX 3060

Fizemos um apanhado de testes, com benchmarks sintéticos e jogos com benchmarks internos. Aproveitamos alguns jogos não tão novos, pois temos algumas outras máquinas com dados guardados, facilitando o comparativo. Você pode conferir todas as máquinas e configurações usadas nestes comparativos clicando aqui, caso queira saber algumas informações além do que vem resumidas nos gráficos.

BENCHMARKS SINTÉTICOS

BENCHMARKS INTERNOS EM 1080P

BENCHMARKS INTERNOS EM 4K

Ao longo de todos os testes pudemos ver que a AMD RX 6600 XT, recentemente analisada por nós, compete diretamente com a RTX 3060. Além disso, como esperado, a 3060 de desktop ficou em quase todos os testes entre a 3060 mobile e 3070 mobile.

Em 1080p, a placa empurrou com tranquilidade os jogos testados nos presets mais agressivos. Passou sufoco apenas no Watch Dogs Legion, com Ray Tracing no Ultra, que além de ser bem pesado, é um jogo com otimização bem duvidosa.

Em 4K ela se mostrou capaz. A maioria dos jogos ficaram acima dos 30 quadros, o que da margem para uma taxa maior, visto que focamos sempre em presets máximos ou próximos do máximo. Não é uma palca que deve ser comprada pensando no 4K60 em todos os jogos triple A, mas é uma placa que você pode, por exemplo, usar de vez em quando na sua TV 4K para jogar alguns títulos e na maior parte do tempo jogar no seu monitor 1080p/1440p.

CONSLUÃO – Análise EVGA RTX 3060

A série 30 é sempre muito procurada a cada família de placas da NVIDIA. A lendária GTX 1060 6GB, até pouco tempo atrás, era a placa mais usada entre todos os usuários da Steam. Na série 30, ela vem se tornando uma boa opção.

Os preços vem caindo bastante. Lá na Europa, por exemplo, o preço de lançamento (MSRP) já está quase normalizado para placas de NVIDIA e já está menor para placas AMD. No Brasil, demora um pouco mais para cair, fora a variação constante do dólar, que hora está 4,80, hora 5,20.

Nos últimos dias, observamos promoções de RTX 3060 que flutuavam entre R$2.500,00 e R$2.800,00 à vista. No auge da crise dos semicondutores, estoque e pandemia, ela passava dos 4, chegando até a 5 mil reais.

Considerando os R$2.500,00, o desempenho que ela traz, o consumo e sua refrigeração, é uma ótima escolha para quem ainda está no monitor 1080p, pois jogará tudo no máximo por um bom tempo ou para quem está no 2K, jogando muita coisa no máximo também em 2K. Se você quer focar no 4K, deve procurar uma categoria superior.

Mas lembre-se, a RX 6600 XT, para quem não se importa com algumas benésses da NVIDIA (como o codec NEW NVENC para gravar e stremar e Ray Tracing otimizado), pode ser uma opção, custando até 200-300 reais à menos.

NÍVEL DE RECOMENDAÇÃO: OURO

Pedro Nogueira

Formado em Administração e em GunZ: The Duel. Rei dos FPS e o Toretto dos jogos de corrida no site. O nerd/entusiasta do PC Master Race, responsável por análise de periféricos e hardware. Quebra um galho de streamer lá na twitch.tv/ultimaficha.
Botão Voltar ao topo